domingo, 4 de outubro de 2009

Amigo




Amigo é aquele com quem discutimos o pôr-do-sol e as cores do céu como se fossem as teorias mais revolucionárias.
Amigo é aquele que fala de um jeito todo especial para corrigir falhas ou apontar erros nas escolhas que fazemos. E nos convencem.
Amigo é aquele que vibra com nossas conquistas, trazendo entusiamo e motivação para tentar mais e mais.
Amigo é aquele que mostra um caminho alternativo, oferecendo possibilidades de mudança.
Amigo é aquele que demonstra a segurança necessário quando tudo parece perdido e sem solução.
Amigo é aquele que ri com a gente sem nenhum pudor e com a maior sinceridade que podemos perceber no mundo.
Amigo é aquele que chega devagarinho, como quem não quer nada, e logo invade o coração e se torna referência em carinho e atenção.
Amigo é aquele irmão mais velho que serve de exemplo e o irmão mais novo de quem somos porto e farol.
Amigo é aquele que, cedinho, toma café com a gente e faz o dia parecer um presente mais que precioso.
Amigo é o escolhido para fazer parte da trajetória pessoal e trilhar os caminhos obscuros e luminosos da vida.
Sem um amigo, a chance de ser feliz se reduz.
Um amigo faz a diferença! Sempre!

(Alex Mühlstedt - reconhecendo a importância de amigos que tornam a felicidade real a cada dia, em cada momento...)

2 comentários:

CANTINHO FELIZ! disse...

Eita moço que escreve bonito, sô!!!
rsrsrsrsssss!!!!Pior de tudo que fala o que coração da gente sente...Penso exatamente assim, com um amigo do peito a gente se abre, ri, fala abobrinhas e tudo parece ser de uma importância tamanha, mesmo sendo "só abobrinhas"....rsrsrssss!!!
Bom inicio de semana meu amigo! Que Deus te abençoe!

Anônimo disse...

Que difícil despertar y saber que ya no estas,
que el sueño terminó, que tu amor por mi ya se agotó.
No lo puedo soportar, el terror invade mi razón.

Cada segundo parece no tener final. El viento embistió, ya no sopla a
mi favor, mis lágrimas se confunden con los latidos de este GRAN AMOR.

Por que te fuiste cuando mas te necesitaba? te extrañé un poco mas que la mañana al despertar del sol, te lloré un tanto mas que el diluvio de la antiguedad.

Pasan horas, días, meses, y yo sigo aquí en un mundo de ilusión donde aun habitas tú y aunque están mas cerca las estrellas que mi piel de tu calor puedo oler tu perfume y sentir tus suaves manos.

No he podido olvidar tantos besos de pasión,
tantos ratos juntos soñando un GRAN AMOR.

Como olvidar tu ternura y tu pasión, como pretender que no te anhelo junto a mi si fuiste la única que conquistó mi corazón.

Para ti...
...EU